curto-circuito elétrico
curto-circuito: o que é?

CURTO CIRCUITO – SAIBA O QUE É UM CURTO CIRCUITO ELÉTRICO

Instalação e Manutenção Elétrica

Saiba tudo sobre curto-circuito – O que é?

curto circuito elétrico
curto circuito

 

 

Os curto-circuitos são uma das principais causas de incêndios por eletricidade, mas você já deve ter se perguntado o que é curto-circuito?

 

O nome curto-circuito é a denominação do que acontece quando a corrente elétrica faz o caminho mais curto entre os dois terminais de uma fonte de tensão.

 

Portanto, o curto-circuito não é o trajeto que a corrente elétrica deve seguir, quando isso acontece, é anormal e provoca um aumento súbito da corrente em um circuito, esse aumento de corrente pode provocar faíscas e até incêndios.

 

Sabemos que esse assunto gera muitas perguntas, pensando nisso preparamos esse conteúdo com o objetivo de trazer informações sobre curto-circuito.

 

Continue com a gente para saber mais sobre curto-circuito e circuito elétrico, o tema está dividido nos seguintes tópicos:

 

  • Curto-circuito e circuito elétrico
  • Circuito elétrico – componentes
  • Circuito elétrico – tipos
  • Como identificar um curto-circuito?
  • Como evitar curto-circuito?

 

Curto-circuito e circuito elétrico

 

Para falar sobre curto-circuito, é necessário entender o que é circuito elétrico, você sabe o que é?

 

De maneira resumida, o circuito elétrico é o trajeto percorrido pela corrente elétrica entre os dois terminais de uma fonte de tensão.

 

Geralmente o circuito elétrico é formado por uma fonte de tensão e um gerador de eletricidade, composto por receptores, geradores, capacitores, resistores e indutores que estão interligados por um fio condutor que possibilita a passagem de cargas elétricas.

 

O circuito fechado representa um círculo completo, nele as correntes fazem o percurso de volta para onde vieram.

 

Portanto, o curto-circuito indica o caminho mais curto realizado pela corrente elétrica entre os dois terminais de uma fonte de tensão.

 

Desta forma, quando a corrente elétrica passa pelo fio condutor e chega ao seu destino, atinge uma elevada intensidade que, junto com um circuito danificado ou pequeno, causa o superaquecimento dos condutores, e o resultado disso é o curto-circuito.

 

O curto-circuito pode comprometer aparelhos e instalações que estão conectadas ao circuito elétrico, alguns aparelhos deixam de funcionar e podem voltar depois, enquanto que outros podem sofrer danos irreversíveis.

 

Circuito elétrico – componentes

 

Os circuitos elétricos contêm componentes básicos que são comuns a todos os circuitos elétricos.

 

Esses componentes são: geradores, resistores elétricos, condutores elétricos, dispositivos de controle e dispositivos de segurança, condensadores, carga e indutores elétricos.

 

Os geradores, como o próprio nome já diz, geram energia a partir de diferentes formas, como por exemplo, a energia elétrica.

 

Portanto, os geradores são responsáveis em gerar tensão elétrica com potenciais distintos entre os terminais dos circuitos elétricos possibilitando a passagem da corrente elétrica.

 

Os resistores elétricos produzem uma queda de tensão estruturada e segura para restringir a passagem de corrente pelo circuito, ao fazer isso, ocorre o ajuste da corrente para uma carga definida.

 

Os condutores elétricos, são bastante visíveis e conhecidos por todos nós, trata-se dos fios elétricos, que podem ser de materiais condutores distintos como alumínio ou cobre.

 

A função dos condutores elétricos é transportar a corrente elétrica por todo trajeto até chegar à carga.

 

Os chamados dispositivos de controle e dispositivos de segurança são utilizados para realizar determinar o fluxo da corrente e da tensão elétrica, e de acordo com a necessidade, esses dispositivos efetuam a interrupção da corrente em situações que possam ultrapassar o limite seguro de corrente.

 

Os condensadores são utilizados em circuitos que precisam de altas cargas, e atuam em duas vertentes, tornando estável o fluxo de elétrons dentro do circuito elétrico e armazenando cargas.

 

Já mencionamos carga algumas vezes para falar de outros componentes, agora iremos falar sobre esse elemento em particular. A função da carga é primordialmente, converter a energia em formas diversas de energia, ou seja, quando se trata de corrente elétrica, a carga é o destino final que proporciona ao usuário o aproveitamento de energia que pode ser transformada, por exemplo, em luz ou velocidade.

 

Um dos componentes bastante conhecido do circuito elétrico é o indutor elétrico, também é chamado de bobina e possui capacidade de guardar energia gerada em campo magnético constituído através de uma corrente alternada.

 

Circuito elétrico – tipos

Quando se fala em circuito elétrico, a impressão que dá é que existe apenas um tipo de circuito elétrico, mas não é bem assim.

 

Para evitar curtos-circuitos e outros problemas elétricos relacionados ao circuito elétrico, é bom considerar que existem diferentes tipos de circuitos elétricos: circuitos em paralelo, circuitos elétricos em série e circuitos mistos.

 

Os circuitos elétricos em paralelo possuem dois ou mais caminhos por onde flui a corrente elétrica. O nome é referência ao fato de que as cargas são mutuamente ligadas em paralelo o que garante o funcionamento constante do sistema ainda que uma das cargas deixe de funcionar.

 

Os circuitos elétricos em série, funcionam da seguinte maneira, para que funcionem, as cargas são dependentes umas das outras. Essa dependência acontece porque o circuito elétrico em série utiliza apenas um caminho por onde passa a corrente elétrica, portanto, a corrente elétrica é igual em todos os pontos e todas as cargas possuem a mesma corrente elétrica.

 

Os circuitos mistos são a mistura do circuito elétrico em paralelo e do circuito elétrico em série, e por isso têm três ou mais cargas ligadas em formatos diferentes, em paralelo e em série.

 

Como identificar um curto-circuito?

 

Identificar um curto-circuito nem sempre é fácil, isso porque, existem curtos-circuitos que são perigosos e podem passar despercebidos.

 

Quando há curtos-circuitos que não são identificados, começa a haver desgaste do circuito, mau funcionamento de aparelhos, e consequentemente, causam aumento na conta de luz.

 

Ainda que seja difícil identificar curtos-circuitos silenciosos, existem alguns sinais que podem indicar a presença de curto-circuito.

 

Entre os sinais que podem ser identificados e merecem atenção como forma de reconhecer curto-circuito, estão:

  • Aumento na conta de luz
  • Disjuntor desarmando
  • Cheiro de queimado
  • lâmpadas queimando antes do tempo
  • tomadas escurecidas (queimadas)

 

Como evitar curto-circuito?

 

Agora que você já viu como identificar curto-circuito, nós vamos te dar algumas dicas de como evitar que esse problema aconteça.

 

Para evitar curtos-circuitos, é imprescindível realizar manutenção elétrica periódica, essa é certamente uma maneira econômica e eficaz de antever problemas futuros e verificar problemas existentes.

 

A manutenção elétrica deve ser feita em qualquer tipo de instalação elétrica, seja ela residencial, industrial ou comercial, contudo, a manutenção elétrica só deve ser realizada por profissionais qualificados, eletricistas experientes e com boas recomendações são a melhor escolha.

 

Outra forma de prevenir e evitar curtos-circuitos é usando materiais de qualidade nas instalações elétricas e nunca fazer gambiarras.

 

Contratar eletricistas qualificados para instalações elétricas evitam problemas elétricos como conexões mal feitas que podem resultar em curto-circuito.

 

Evitar benjamins, adaptadores, extensões e sobrecarga de fiação e tomadas, essas são algumas dicas de situações que podem ser mudadas no dia a dia para evitar curtos-circuitos.

 

Curtos-circuitos são perigosos e podem colocar vidas em risco, todos devem ter atenção a qualquer sinal de curto-circuito, não se deve deixar de realizar manutenções de maneira periódica.

 

Evite situações perigosas, em caso de curto-circuito, contrate um eletricista!

Eletricista Santo Andre
ELETRICISTA EM SANTO ANDRÉ

Eletricista Santo André

Procurando Eletricista em Santo André Quando surgem problemas elétricos, independente do problema, seja ele um fio derretido ou uma lâmpada piscando por mau contato, é

Leia mais »
Eletricista no Ipiranga SP
ELETRICISTA EM SÃO PAULO

Eletricista no Ipiranga

Procurando Eletricista no Ipiranga Quando surgem problemas elétricos, independente do problema, seja ele um fio derretido ou uma lâmpada piscando por mau contato, é sempre

Leia mais »
Eletricista Vila Clementino
ELETRICISTA EM SÃO PAULO

Eletricista na Vila Clementino

Procurando Eletricista na Vila Clementino Quando surgem problemas elétricos, independente do problema, seja ele um fio derretido ou uma lâmpada piscando por mau contato, é

Leia mais »
Eletricista Vila Madalena
ELETRICISTA EM SÃO PAULO

Eletricista na Vila Madalena

Procurando Eletricista na Vila Madalena Quando surgem problemas elétricos, independente do problema, seja ele um fio derretido ou uma lâmpada piscando por mau contato, é

Leia mais »
Eletricista na Vila Mariana, SP
ELETRICISTA EM SÃO PAULO

Eletricista na Vila Mariana

Procurando Eletricista na Vila Marina? Quando surgem problemas elétricos, independente do problema, seja ele um fio derretido ou uma lâmpada piscando por mau contato, é

Leia mais »

Todos os direitos reservados: Adriano Eletricista

error: O conteúdo está protegido !!